Tv Planalto Ao Vivo

sábado, 12 de novembro de 2016

Famosos: “Sem Rouanet não haveriam shows em cidades pequenas”, diz defesa de Cláudia Leitte

Advogados da cantora alegam que a turnê “acarretou na democratização do acesso à cultura”. MinC exige que ela devolva R$1,2 milhão aos cofres públicos.
Os advogados da cantora Claudia Leitte tentam reverter decisão do Ministério da Cultura que rejeitou a prestação de contas de um projeto de shows pelo Norte, Nordeste e Centro-Oeste com recursos via Lei Rouanet.

A pasta quer que a cantora devolva 1,2 milhão de reais aos cofres públicos por falta de comprovação da doação de ingressos. De acordo com informação da colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S.Paulo, neste sábado, advogados alegam que a turnê “acarretou na democratização do acesso à cultura”. O recurso apresentado pela defesa diz que houve a distribuição e que a maioria das entradas foi vendida a preço até inferior ao do projeto, de R$ 35. Para os advogados, proibir Claudia de captar pela Rouanet por três anos é injusto, já que “não houve dano ao erário”. O ministério tem 60 dias para decidir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário