Tv Planalto Ao Vivo

segunda-feira, 29 de julho de 2019

Quatro mulheres são assassinadas no fim de semana, totalizando 124 vítimas no Ceará em 2019

Com as quatro mortes registradas no fim de semana, subiu para 124 o número de mulheres assassinadas no Ceará, em 2019
Quatro mulheres estão entre as 17 pessoas assassinadas durante o fim de semana na Grande Fortaleza, elevando para 124 o número de crimes do gênero no Ceará em 2019. Entre as vítimas, uma jovem que foi sequestrada em um bar com outras três amigas e todas levadas para o bairro Bonsucesso, onde foram severamente espancadas a golpes de barra de ferro. Os assassinos usaram um táxi para levar as quatro jovens ao local do crime.
Era por volta das 20 horas, quando as quatro jovens tinham acabado de sair de um bar e estava na praça do bairro Siqueira, na esquina das avenidas Perimetral e Osório de Paiva, quando o táxi parou. O carro era ocupado por cinco homens.
Três das jovens foram colocadas à força no porta-malas do táxi. A quarta seguiu dentro do automóvel com os agressores. Ao chegar no fim da Rua Santa Terezinha, no Bonsucesso, os bandidos desembarcaram as quatro mulheres e passaram a agredi-las com barras de ferro e pedradas. Uma delas recebeu várias pancadas e golpes na cabeça e morreu no local, sendo identificada apenas por Ana Carolina. As demais foram socorridas após a fuga do bando.
Outras mortes
Ainda na manhã de sexta-feira (26), a jovem Ana Thainara Matias Duarte Alcântara, 24 anos, mãe de duas crianças, foi assassinada com um tiro na nuca. O crime ocorreu na Avenida 3 do Conjunto Jereissati I, na cidade de Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Segundo testemunhas, dois homens numa moto praticaram o crime. Logo depois, policiais civis da Delegacia Metropolitana de Maracanaú (DMM) efetuaram a prisão de dois suspeitos.

Na manhã do domingo (28), o corpo de uma mulher, ainda não identificada, foi encontrado ao lado do cadáver de um homem. O casal foi executado sumariamente a tiros de pistola nas margens do Anel Viário, nas proximidades da barragem do Açude Gavião, em Itaitinga, na RMF. Os corpos foram encaminhados à sede da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) sem nenhuma identificação. A Polícia suspeita que o casal tenha sido seqüestrado noutro lugar.
Também no domingo (28), uma mulher de 57 anos de idade, identificada como Cristina Batista, foi morta a tiros na Rua Miguel Aragão, no bairro Mondubim. A Polícia esteve no local e suspeita de um crime de feminicídio (passional), porém, nenhum suspeito foi detido até agora pelas autoridades.
Via Jornalista Fernando Ribeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário